Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

A embaixadora do Programa Mãos EmPENHAdas contra a Violência da Mulher, Luiza Brunet estará na cidade no dia 1° de setembro, fechando a campanha Agosto Lilás em Nova Andradina

Cb image default
Divulgação

Realizada há 3 anos em Nova Andradina, a campanha “Agosto Lilás” entrou no calendário de eventos do município e se tornou a maior campanha de enfrentamento à violência doméstica e familiar contra a mulher. Nesse ano de 2019, a pauta são os 13 anos da Lei Maria da Penha, os avanços e conquistas na defesa e proteção das mulheres.

A abertura do evento está marcada para a próxima segunda-feira, dia 5 de agosto, a partir das 14 horas, no auditório do Paço Municipal, onde o prefeito em exercício, Newton Luiz Oliveira, receberá secretários municipais, vereadores, representantes do Conselho da Mulher, entre outros convidados.

Na ocasião, os gestores da Secretaria de Políticas Públicas da Mulher entregam ao chefe do poder executivo municipal o Selo Prefeitura Amiga da Mulher, premiação recebida por Nova Andradina por práticas inovadoras nesta área.

Durante todo o mês de agosto serão intensificadas as informações sobre os mecanismos legais de proteção à mulher e as formas de denúncia. Estão previstas palestras, debates, encontros, panfletagens e eventos abordando os tipos de violência especificados na lei e como promover o enfrentamento à violência contra a mulher. 

Cb image default
Divulgação

O movimento será encerrado no dia 1° de setembro com uma passeata contra a violência doméstica e pelo fim do feminicídio com a presença da modelo, atriz, empresária e ativista dos direitos da mulher LUIZA BRUNET.

A vinda da embaixadora do Programa Mãos EmPENHAdas contra a Violência da Mulher sem custos ao município é resultado da articulação da Secretaria Executiva de Políticas Públicas para a Mulher de Nova Andradina. O ato, organizado pelo Governo Municipal e entidades participantes, terá concentração na Praça Brasil a partir das 9h e será encerrado na Câmara de Vereadores com o depoimento da convidada.

Todas as atividades desenvolvidas ao longo deste mês têm o intuito de levar o acesso à informação e orientações sobre as violências tipificadas na Lei Maria da Penha (Lei federal nº 11.340, de 7 de agosto de 2006), medidas protetivas e locais de atendimento especializado a mulheres em situação de violência, bem como, a prevenção da violência para que as mulheres tenham percepção do que caracteriza a violência doméstica e familiar e possam romper este ciclo.

“Maria da Penha vai à escola e à Saúde”

Uma das atividades do Agosto Lilás é “Maria da Penha vai à escola”. Em Nova Andradina, a grande parceira na execução deste projeto é a Universidade Brasil, que por meio de acadêmicos do curso de direito juntamente com os técnicos da assistência social vão às escolas ministrar palestras sobre a temática da violência contra à mulher.

Fortalecendo o movimento, este ano a campanha ganha o reforço do Projeto Maria da Penha Vai à Saúde, através do qual a equipe da Secretaria de Políticas Públicas da Mulher irá realizar palestras sobre prevenção ao feminícidio em todas as unidades nos bairros.

A extensão da campanha para as ESFs tem o objetivo de acolher as mulheres para dentro dos serviços municipais. A capacitação dos profissionais da rede foi realizada em maio passado com todos os agentes de saúde. Nessa formação, aprenderem quais instrumentos usar, quais os perfis de violência, podendo assim fazer a orientação e o encaminhamento adequados as vítimas.

A proposta central é criar um laço de confiança entre a gestão e as vítimas, fortalecendo ainda mais o desempenho do programa no município.