Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Rede de enfrentamento a à violência doméstica divulga canais de comunicação para denúncias em Nova Andradina

Cb image default
Divulgação

O Governo Federal anunciou recentemente que as denúncias de violência contra a mulher aumentaram 9% durante pandemia do novo coronavírus no Brasil. Em Nova Andradina, o governo municipal, por meio da Secretarias Executiva de Políticas Públicas para as Mulheres juntamente com a Sejusp (Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública), reforçou a prevenção e o combate à violência doméstica.

Este reforço vem através da divulgação de canais de comunicação para denúncias de casos, sempre lembrando que a rede de enfrentamento à violência continua trabalhando e amparando as mulheres.

Segundo a secretária Julliana Ortega, é importante que predomine a solidariedade entre as pessoas. “Pedimos para que vizinhos, amigos e familiares também realizem as denúncias de casos de violência doméstica, todos precisam se ajudar nesse momento tão peculiar pelo qual estamos passando”, solicita.

O governo municipal mantém parcerias com Judiciário, Promotoria de Justiça, Polícia Militar, Polícia Civil e Delegacia de Atendimento à Mulher, que visam garantia dos direitos e proteção para as mulheres, fortalecendo as políticas públicas e a estrutura de atendimento às mulheres em situação de violência,

Serviços de Atendimento à Mulher no Município de Nova Andradina

*Secretaria Executiva Municipal de Políticas para as Mulher

Endereço: R. Milton Modesto Nº 1712 -Centro

Fone: (67) 3441-8502 RAMAL: 5133

E-MAIL: mulher@pmna.ms.gov.br

Horário de funcionamento segunda a sexta-feira das 7h às 13h

*Centro de Referência e Atendimento à Mulher

Endereço: R. Santa Lucia, 1058 - Centro, Nova Andradina - MS, 79750-000

Telefone:(67) 3441-7600

Horário de funcionamento segunda a sexta-feira das 7h às 13h

Plantão (67) 98427-5293.

Promusse (Programa Mulher Segura)

Polícia Militar de Nova Andradina - Programa de Prevenção e Combate à Violência Contra a Mulher

Telefone: ligue 190

*Delegacia de Atendimento à Mulher de Nova Andradina

Endereço: Rua Santo Antônio, 1.094 - Bairro Guiomar Soares de Andrade

Telefone: (67) 3441-8261 / (67) 3441-5047.

1ª Promotoria de Justiça de Nova Andradina

Endereço: Rua São José, 564 - Centro

Telefone: (67) 3441-1840 ou (67) 992-72-1482

Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência

Ligue 180 – É um serviço de utilidade pública gratuito e confidencial (preserva o anonimato), oferecido pela Secretaria Nacional de Políticas, desde 2005.

O Ligue 180 tem por objetivo receber denúncias de violência, reclamações sobre os serviços da rede de atendimento à mulher e de orientar as mulheres sobre seus direitos e sobre a legislação vigente, encaminhando-as para outros serviços quando necessário.

A Central funciona 24 horas, todos os dias da semana, inclusive finais de semana e feriados, e pode ser acionada de qualquer lugar do Brasil.

Tipos de violência doméstica

A Lei Maria da Penha descreve os seguintes tipos de violência doméstica:

Violência física

Qualquer ato que venha a ferir a integridade corporal da vítima.

Violência psicológica

Ações que causem danos psicológicos, como humilhação, chantagem, insulto, isolamento e ridicularização. Além disso, formas de controle sobre o comportamento da mulher, como impedi-la de sair, também se enquadram na definição.

Violência sexual

Forçar a mulher a presenciar ou participar de relação sexual não desejada, mediante intimidação de qualquer natureza: ameaça, coação ou uso da força. Também impedir que a mulher faça uso de métodos contraceptivos, forçá-la a se casar, engravidar, abortar ou se prostituir.

Violência patrimonial

Quando o agressor destrói bens, documentos pessoais, instrumentos de trabalho e recursos econômicos necessários a mulher.

Violência moral

Caluniar, difamar ou cometer injúria contra a vítima.