Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Programa para Acompanhamento Socioassistencial e Familiar atende 50 famílias de Nova Casa Verde com renda per capita entre R$ 85,01 e R$ 170,00 mensais

Cb image default
João Cláudio 

A Prefeitura de Nova Andradina, através da Secretaria Municipal de Cidadania e Assistência Social (Semcias) fez a entrega de leite em pó às famílias do distrito de Nova Casa Verde beneficiárias do Programa para Acompanhamento Socioassistencial Familiar (PLASF).

A distribuição foi feita durante a festa em comemoração ao Dia das Mães realizada no Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) na quinta-feira passada, dia 9 de maio, pelo prefeito Gilberto Garcia, a primeira dama e vereadora, Joana Darc Bono Garcia e a subsecretaria, Sonia Rodrigues Amaral. 

Cb image default
João Cláudio 

Para o prefeito de Nova Andradina, a importância do PASF abrange dois extremos: a produção e o consumo. “Produção porque ajuda diretamente a cadeia do leite, e consumo, porque beneficia aquelas famílias que mais necessitam do apoio do poder público”, enfatizou o prefeito.

Sobre o PASF

O Programa de Acompanhamento Familiar de Nova Casa Verde tem como objetivos:

- promover a autonomia familiar e reflexões cotidianas através de palestras sobre os mais diversos temas, como planejamento familiar, economia e orçamento pessoal, cuidado com os filhos, objetivo dos programas de transferência de renda, alimentação saudável, saúde da mulher, sexualidade, entre outros.

- proporcionar atividades atrativas para família (festas comemorativas, passeios, dia da beleza, entretenimento – jogos, música, entre outros).

- Programa atende 50 famílias, onde a equipe técnica do CRAS é responsável pela inserção e desligamento das famílias beneficiadas, através de triagem psicossocial, visita domiciliar, atendimento e planejamento, sendo a situação familiar reavaliada a cada seis meses, considerando os seguintes critérios:

• Famílias com renda per capita entre R$ 85,01 e R$ 170,00 mensais;

• Possuir entre os membros da família crianças de 1 a 6 anos de idade;

• Vacinação em Dia;

O trabalho realizado com as famílias possui caráter preventivo e proativo pautado na defesa e afirmação dos direitos sociais através de acompanhamento a indivíduos em situação de risco social, por meio de ações que objetivam a promoção, o desenvolvimento de potencialidades, fortalecimento de vínculos familiares, comunitários e sociais, com vistas ao alcance de alternativas emancipatórias para o enfrentamento da vulnerabilidade social.