Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações
Cb image default
João Cláudio 

Com o tema “Desafios de Envelhecer no Século XXI e o Papel das Políticas Públicas”, a II Conferência Municipal da Pessoa Idosa foi realizada durante toda esta sexta-feira (22), no Centro de Convivência do Idoso de Nova Andradina.

Com a apresentação do Coral “É Tempo de ser Feliz”, o encontro foi aberto pelo presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Idosa (CMDDPI), Hermes José dos Santos, e tem como finalidade debater e votar proposições e sugestões sobre políticas públicas para a pessoa idosa, que serão apresentadas na conferência estadual.

Cb image default
João Cláudio

Também fizeram parte da mesa de honra: o prefeito Gilberto Garcia, a secretária de cidadania e assistência social, Julliana Caetano Ortega, a primeira dama e vereadora Joana Darc Bono Garcia, os secretários Emerson Nantes (Finanças), Valter Valentin Pinto (Planejamento), Júlio Cesar Castro Marques (Infraestrutura) e o palestrante Eduardo Rodrigues Meza.

Cb image default
João Cláudio

A secretária Julliana agradeceu a presença dos representantes da sociedade civil organizada, dos profissionais ligados à saúde, assistência social e outras áreas, em especial, a representatividade e participação das pessoas idosas. “Quando se fala em melhor idade, Nova Andradina é referência. Porém, sempre podemos avançar por meio de políticas públicas que visem proporcionar um envelhecimento ativo, com dignidade e com direitos garantidos”, comenta a gestora.

Cb image default
João Cláudio

Já o prefeito Gilberto Garcia elencou algumas ações que vem sendo tomadas pelo governo municipal em benefício da melhor idade como o Condomínio do Idoso e o Projeto Conviver, onde mais de mil idosos participam de atividades sociais, de saúde, esporte, lazer e recreação.

Gilberto disse ainda que a preocupação da administração é de avançar sempre e que as pessoas com mais de 60 anos têm muito que ensinar à sociedade. “Todos envelhecem. E se envelhecem, é necessário que pensemos um pouco mais nas pessoas que estão vivendo nesse país. Precisamos da expertise de cada um de vocês para indicar propostas que possam abarcar os anseios da melhor idade”. 

Cb image default
João Cláudio

Depois da leitura e aprovação do regimento interno, Eduardo iniciou a palestra magna sobre o tema central do evento destacando que “os desafios são muitos porque o ato de envelhecer ainda traz muito preconceito e abandono. Para mudar esse paradigma, é necessário a efetivação das políticas públicas voltadas para a melhor idade”, destacou o palestrante, ao citar o Estatuto do Idoso e a Política Nacional do Idoso.

Ao final, foram indicadas as seguintes propostas que serão apresentadas na Conferência Estadual: