Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Cidade Sorriso é elevada à categoria “Frutificar”, o que garante apoio técnico na elaboração de projetos para captação de recursos e cursos de qualificação

Cb image default
Divulgação

A Fundação de Turismo de Mato Grosso do Sul (FundTur) divulgou nesta segunda-feira (02.03), a nova Tabela de Classificação Turística dos Municípios de MS 2019. Nova Andradina foi elevada à categoria Frutificar, juntando-se a outros municípios como Naviraí, Três Lagoas e a região do Pantanal.

Nesta categoria estão os municípios em que o turismo já figura como uma das atividades econômicas do local e onde já existem processos de gestão e preocupação com o aumento e qualificação da oferta. Entre os benefícios, o município o que garante apoio técnico na elaboração de projetos para captação de recursos e cursos de qualificação; apoio à participação em eventos nacionais, entre outros.

“Nova Andradina melhorou sua pontuação graças a melhoria da infraestrutura para receber os visitantes e a ampliação do fluxo turístico. Não medimos esforços, em todos os aspectos, e fomos reconhecidos e recompensados nesta atualização, que vai ajudar em muito, a desenvolver ainda mais o turismo no município e na região”, disse o prefeito Gilberto Garcia, ao tomar conhecimento da classificação.

A estruturação e participação efetiva do Conselho Municipal de Turismo, a melhoria dos equipamentos públicos e da rede hoteleira, aliada a promoção de eventos na área do esporte, entretenimento e do lazer foram fatores apontados como decisivos na evolução do município no ranking.

Membros do COMTUR comemoraram a notícia. “Avançando posições na classificação vamos conseguir mais recursos financeiros para o desenvolvimento do turismo. E a tendência é melhorar ainda mais com a inauguração do Centro de Convenções, que colocará Nova Andradina no mesmo patamar dos grandes centros culturais do Estado”, avalia Carolina Higashi Kunimatsu, que é uma das conselheiras municipais.

O Conselho já começa a organizar a próxima reunião com vistas a viabilização de novos projetos e políticas públicas voltadas ao segmento. “Iremos trabalhar em conjunto - executivo municipal, governo estadual e a sociedade civil organizada - a fim de fortalecer o turismo, fomentando o segmento do turismo de eventos e de négocios, que é nossa principal atividade, garantindo, assim, que o setor se consolide como grande gerador de oportunidades para o município”, explica o gerente de turismo, André Vicente Delgado, representante do poder público municipal no Comtur.

Segundo o documento, em MS, são 43 regiões turísticas. Nova Andradina pertence a 31ª região situada no Vale das Águas e obteve a pontuação total de 139 pontos. Com relação a última avaliação, em 2017, a Cidade Sorriso atingiu mais que o dobro da pontuação – quando obteve apenas 68 pontos e foi classificada na categoria Semear.

PROGRAMA

De acordo com o programa, o sistema classifica os municípios conforme o desenvolvimento do turismo no local e a maturidade em que se encontra toda a cadeia relacionada, por meio de um processo metodológico e com critérios preestabelecidos.

O programa prevê a classificação em quatro categorias: SEMEAR, NASCER, FRUTIFICAR e CRESCER.

CATEGORIA FRUTIFICAR

ENFOQUE DAS AÇÕES: Para organização de roteiros e produtos turísticos, promoção.

BENEFÍCIOS

• Organização e divulgação dos produtos turísticos;

• Destaque em publicação da Fundtur;

• Apoio à participação em eventos nacionais;

• Apoio técnico na elaboração de projetos para captação de recursos;

• Articulação juntos aos órgãos do governo e outros para realização de Cursos de Qualificação. 

Veja a classificação turística completa dos municípios de MS :