Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Competição de futebol de base é uma vitrine para a descoberta de novos talentos.

Cb image default
João Cláudio 

Com estrutura e organização elogiadas pelos atletas, treinadores e observadores técnicos, a 2ª edição da Copa Cidade Sorriso selecionou 29 jovens das categorias das categorias sub 9, sub 11, sub 13 e sub 15 para um período de avaliação em clubes da elite do futebol nacional.

A competição de futebol de base é uma vitrine para a descoberta de novos talentos. 

Cb image default
João Cláudio

De acordo com informações da Fundação Nova-andradinense de Esporte e Lazer (FUNAEL), a equipe das laranjeiras, o Fluminense, selecionou 12 atletas. Já o Santos, do ídolo Pelé, levará 8 atletas para avaliação. O Internacional, de Porto Alegre, vai observar 3 atletas, enquanto que o Azuris, do Paraná, clube-empresa formador de atletas, selecionou 6 jovens.

O incentivo ao futebol de base e a priorização à formação e revelação de atletas tem sido marcas da administração do prefeito Gilberto Garcia. 

Cb image default
João Cláudio

“Através do esporte estamos fomentando a economia local. Neste feriado, tivemos aqui mais de 700 visitantes. Os hotéis estavam lotados. Postos de combustível, conveniências e lanchonetes tiveram um movimento muito bom, entre outros setores. Além disso, a Copa Cidade Sorriso oferece uma oportunidade para que nossos jovens consigam realizar o sonho de seguir a carreira do futebol profissional. Nosso agradecimento especial ao governo do Estado e toda equipe da Fundesporte, nosso grande parceiro neste evento”, destacou o diretor de eventos da Funael, Joari Martins.

A excelente estrutura disponibilizada durante os dias de competição foi destacada pelos treinadores nas redes sociais, grupos de whatApp e entrevistas nos órgãos de imprensa, que fizeram a cobertura da Copa.

Cb image default
João Cláudio

O treinador do São Caetano, Felipe Rodrigues Veloso, declarou que a Segunda Copa Sorriso de Nova Andradina-MS simplesmente foi a MELHOR DAS MELHORES.

“Campos impecáveis, bolas novas, arbitragem profissional, cada campo com no mínimo 2 enfermeiras, gandulas, seguranças, viatura policial, ambulâncias, tendas nos bancos de reserva, alimentação nota 10, observadores feras. Parabéns organizadores. Que venha à terceira em 2022”, escreveu, citando o nome dos dirigentes que estão à frente da Funael, Joari Martins e Wiliam Moraes.

Os professores Rubinho, da Talentos FC, de Maringá, e Murilo, do Chelsea, também reconheceram o trabalho do governo municipal. “Parabéns aos organizadores e equipes que participaram desta copa. Excelente estrutura de jogos, alojamento e alimentação”, “Todos os detalhes muito bem elaborados”.

A mãe de dois atletas do Grêmio (Trota Sports) disse que Nova Andradina foi uma grande anfitriã nos jogos.

“A Copa é um momento muito importante e de disputa sim, mas o respeito acima de tudo, de si mesmo de do próximo. Não podemos esquecer que por trás de cada jogador há um ser humano com suas individualidades, medos, ansiedades, e também uma família, que o ama e torce. Respeitar, se divertir e fazer novas amizades. Foi isso que vi nessa competição”, frisou Janaina.

A cerimônia de premiação foi realizada no domingo, por volta das 12 horas, com a presença do líder do prefeito na Câmara Municipal, vereador Fábio Zanata, os diretores da Funael, William Moraes e Joari Martins, que neste ato também representaram o governo municipal e Virginia Vasconcellos, representante da Fundesporte.

O título de atleta superação da Copa Cidade Sorriso foi para o indígena Jhon, da equipe Ceart de Dourados, que percorre 26 quilômetros de bike para treinar. Já o melhor atleta geral da competição foi Miguel Matias, jogador do sub 9 do São Caetano.

Veja em anexo, as equipes vencedoras, artilharia e melhor goleiro (defesa) em todas as categorias disputadas.