Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações
Selo

Projeto pioneiro no interior de MS, CIT dá oportunidade para jovens e adultos aprenderem uma segunda língua e conecta o cidadão com o mundo tecnológico

Cb image default
João Cláudio 

A Prefeitura de Nova Andradina lançou na noite de ontem (18), o Centro de Idiomas e Tecnologias, projeto pioneiro em todo interior do estado de Mato Grosso do Sul que oferece cursos gratuitos de Inglês, Espanhol, LIBRAS, Informática e Robótica aos alunos das escolas públicas, privadas e a comunidade em geral.

Cb image default
João Cláudio

A solenidade foi aberta com duas apresentações culturais que encantaram o público. A primeira trouxe o Coral de Libras do Numespi – Núcleo Municipal de Educação Especial, com a interpretação da música Tempo de Alegria, de Ivete Sangalo. Em Seguida, o professor e diretor da Escola Efantina de Quadros, Marcos Eduardo, soltou a voz com o clássico de John Lennon, “Imagine”.

Cb image default
João Cláudio

Inaugurando os discursos na mesa de autoridades, o secretário de educação, Fábio Zanata, demonstrou sua satisfação em concretizar um projeto que vem sendo trabalhado e moldado desde o início de 2017. Ele ainda solicitou empenho e assiduidade dos alunos que farão parte da primeira turma matriculada no CIT.

“É um projeto inovador, idealizado pelo nosso prefeito Gilberto Garcia, que tem o olhar voltado à educação. Neste local, foram realizadas melhorias na infraestrutura e investimentos em material didático, tecnologia e profissionais especializados, então, precisamos da confiança e responsabilidade dos alunos. Aproveitem essa chance, isso fará toda a diferença no futuro de vocês”, declarou o titular da SEMEC (Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte).

Cb image default
João Cláudio

Para o vice-prefeito Nenão ter a oportunidade de aprender uma segunda língua e acesso às novas tecnologias é fundamental no mundo atual. “A ideia da criação deste Centro de Idiomas começou ainda na campanha eleitoral e fico feliz de ver que se tornou realidade. Vivemos num mundo bastante competitivo, onde a linguagem e a comunicação são muito importantes e, este projeto desenvolve essas habilidades. Espero que seja bem aceito pela comunidade, pois o crescimento da educação é o desenvolvimento da nossa cidade”, frisou.

Cb image default
João Cláudio

Ao saudar as autoridades, alunos e a todos que militam na educação, Gilberto Garcia afirmou que ao idealizar um laboratório municipal de línguas estrangeiras, não pensava num projeto desta dimensão. Porém, a sede de saber e de aprender da juventude nova-andradinense é grande, e o governo tem a obrigação de oferecer as ferramentas necessárias. “Estamos preparando os nossos jovens para uma Nova Andradina melhor, mais inclusiva. O segundo idioma é fundamental, não basta mais só o português”, disparou Gilberto.

Sempre destacando os pilares do seu governo, alicerçado na habitação, saúde e educação, o prefeito afirmou que é somente através da educação que é possível tirar as amarras que ainda existem na sociedade.

“Nova Andradina é diferente. Caminhamos no IDEB muito bem, erguemos a altura do sarrafo, mas precisamos manter e continuar avançando. Com esses novos cursos, vamos vencer, não tenho dúvidas. Eu acredito na capacidade dos professores, da direção e dos alunos para começar a mudar MS e o Brasil. Aproveitem esse tempo oportuno para aumentar o “HD” da cabeça e para colocar informações boas, porque vocês vão precisar disso no futuro. Estamos oferecendo os meios, poucos aproveitarão, mas vencerão. A vitória depende de vocês”, complementa o gestor do município. 

Cb image default
João Cláudio

Após a fala das autoridades, a coordenadora do CIT, Silmara Silveira Lemes de Queiroz, informou que as matrículas foram realizadas desde o final do mês de fevereiro. Devido à grande procura, uma lista de espera foi criada. Todos serão atendidos, conforme a abertura de novas vagas.

No total, estão matriculados 807 estudantes, sendo 355 alunos matriculados no inglês, 60 para o espanhol, 277 em informática, 80 alunos em libras e 45 de robótica, atendidos em parceria com o IFMS. Os cursos serão apostilados, com materiais produzidos pela própria equipe de profissionais do CIT. As aulas acontecerão duas vezes por semana, por turma.

Ao final da cerimônia, cinco alunos foram sorteados e receberam camisetas e pen-drives. Também estiveram presentes, o presidente da Câmara, Vailton Sordi (Amarelinho), primeira dama e vereadora Joana Darc Bono Garcia, vereador Marião da Saúde, diretores, professores, pais e alunos.