Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações
Cb image default
Divulgação

A Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte (SEMEC) irá desenvolver mais uma ação inovadora, através da FUNAEL (Fundação Nova-andradinense de Esporte e Lazer) até o final deste quadrimestre de 2020. Trata-se do Programa de Orientação e Acompanhamento da Saúde Física e Mental do Servidor Administrativo que atua nas unidades de ensino municipais.

A proposta é promover um conjunto de ações que propiciem a melhora imediata e a longo prazo da qualidade de vida do servidor, promovendo o bem-estar global e a melhoria nas relações de trabalho, além de incentivar a socialização, hábitos saudáveis, conhecimento simplificado sofre os efeitos do sedentarismo e de várias comorbidades.

Nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro, a equipe de trabalho da FUNAEL, formada pelos profissionais de Educação Física, Carlos Diego Dantas Batista (Coordenador do Programa), Joari Martins (Diretor de Esportes) e Willian da Silva Moraes (Diretor Presidente) irá desenvolver orientações e palestras diretamente nas unidades de trabalho dos servidores, lotados nas escolas municipais para facilitar o diálogo e a proximidade entre os profissionais administrativos do setor.

A equipe informa que será realizada uma pesquisa diagnóstica com os servidores com o intuito de levantar dados específicos que possibilitem uma melhor condução das atividades propostas, visando atender as reais necessidades e anseios do público alvo.

Conforme informações de William Moraes, na sua essência, o programa busca a prevenção do surgimento de enfermidades e melhoria do bem-estar físico e mental dos profissionais. “Nós acreditamos que, a médio prazo, a secretaria poderá se beneficiar de uma menor taxa de absenteísmo do seu quadro de pessoal. Além disso, esperamos que os participantes se sintam mais motivados, engajados e, com isso, melhorem ainda mais o desempenho do seu papel funcional na unidade de ensino”, avalia.

O programa atenderá 10 escolas e 9 creches, com encontros na própria unidade escolar, respeitando todas as normas de biossegurança necessária para preservação da saúde dos servidores envolvidos.