Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

as obras de drenagem do bairro Pedro Pedrossian serão custeadas 100% com recursos do governo do estado

Cb image default
Divulgação

Duas grandes erosões localizadas na região do Argemiro Ortega e bairro Pedro Pedrossian estão causando sérios problemas ambientais e urbanos ao município. Preocupado com o agravamento dessas situações, o prefeito Gilberto Garcia teve uma audiência com Eduardo Riedel, secretário de Estado de infraestrutura (Seinfra) e Pedro Caravina, secretário adjunto, para buscar uma solução definitiva para contenção do processo erosivo nessas duas áreas.  

Cb image default
Divulgação

“O secretário atendeu nosso pedido e as obras de drenagem do bairro Pedro Pedrossian serão custeadas 100% com recursos do governo do estado. O processo está em fase de abertura de licitação”, informou o prefeito. O valor da obra é de R$ 1,3 milhão.

Com relação a erosão do bairro Argemiro Ortega, o governo do estado também sinalizou favoravelmente com o custeio das obras. No início deste ano, o governador Azambuja liberou R$ 500 mil para a locação de máquinas e equipamentos, que já trabalham na restauração e recuperação de parte de linha de drenagem localizada na Rua Irmã Maria Rita, poço de visita no cruzamento das ruas Espírito Santo e Antônio Duarte, e recuperação de parte do passivo ambiental, ocasionados pelo avanço da erosão da Fazenda São Domingos.

No entanto, esses recursos não são suficientes para a execução de todas as obras necessárias. “Mais uma vez, o governo do estado ficou sensibilizado com o problema e sinalizou que irá nos ajudar com mais recursos para resolver de uma vez por todas esse problema”, complementou Gilberto.

Os secretários municipais de infraestrutura, Júlio Cesar Castro Marques, e de desenvolvimento integrado, Hernandes Ortiz, também participaram da reunião. Na ocasião, as autoridades nova-andradinenses também fizeram outras reivindicações.

Entre os pedidos estão a liberação de recursos para a compra de aparelhos de ar condicionado para o Centro de Convenções (1,3 milhão) e para atender a ampliação do Hospital Regional, em fase de acabamento - UCI, UTI, Banco de Leite e Centro de Diagnóstico (R$$ 950 mil), além de R$ 3 milhões para a pavimentação de ruas de Nova Casa Verde.