Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Vítima é um caminhoneiro de 32 anos e está internada na cidade de Cuiabá (MT)

Cb image default
Divulgação

Nova Andradina registrou o 12º caso confirmado de covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus.

A informação foi divulgada pelo secretário de saúde, Sérgio Maximiano, durante o boletim epidemiológico desta quinta-feira, dia 7 de maio, transmitido em live na página do facebook oficial da Prefeitura de Nova Andradina.

Trata-se de um homem, de 32 anos, residente no município, caminhoneiro que teria apresentado sintomas em viagem a Cuiabá (MT), onde foi internado em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Ele fez o teste no dia 4 de maio e testou positivo para a Covid-19.

“Ele esteve de passagem por Nova Andradina, porém, com sintomas de tosse, fez contato telefônico com a esposa, deixou roupas, mas preferiu seguir viagem. Em Cuiabá passou mal e foi internado”, informou Sérgio.

O gestor da saúde ainda parabenizou o paciente e seus familiares pela atitude de se resguardar em casa. “Mesmo não tendo contato físico com a esposa, por medida de precaução, o caminhoneiro recomendou a todos que ficassem em isolamento domiciliar. Esta é a atitude correta a ser tomada nesses casos”.

E completa: “Desejamos melhoras a ele, que se recupere e logo possa estar junto de sua família”.

Como prevê o protocolo, a família deste paciente está em casa, isolada e em monitoramento pela vigilância epidemiológica. Até o momento, ninguém apresenta sintomas de Covid-19. O caso segue sob investigação das autoridades para conhecer de que poderia ter sido infectado pelo vírus.

A central de monitoramento do município acompanha ainda 89 pessoas com síndromes gripais e 78 estão descartados.

Números de MS

Nas últimas horas, mais 23 exames positivos para coronavírus (Covid-19) foram confirmados em Mato Grosso do Sul. O número de casos da doença agora chega a 311.

Deste total, 93 estão em isolamento domiciliar, 189 estão sem sintomas e já estão recuperados. 22 estão internados, sendo 14 em hospitais públicos e oito em hospitais privados. Dois pacientes internados são procedentes de fora do Estado e um é de fora do País. Foram registrados dez óbitos.