Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Obra faz parte do projeto de anexo hospitalar do HR, junto às construções do Centro de Diagnóstico por Imagem, UTI Neonatal e Unidade de Cuidados Intermediários.

Cb image default
João Cláudio

Com recursos viabilizados pelo secretário de Estado de Saúde Geraldo Resende, ainda na condição de deputado federal, a construção do prédio do Banco de Leite Humano abrange a área de 275,4 metros quadrados, fazendo parte do projeto de anexo hospitalar que propõe modernizar o Hospital Regional de Nova Andradina, oferecendo uma gama de serviços em saúde através de Centro de Diagnóstico por Imagem, UTI Neonatal e Unidade de Cuidados Intermediários.

A construção abrigará o primeiro espaço em saúde do gênero na região, dotando Nova Andradina de uma estrutura hospitalar vista somente em grandes centros urbanos. O Banco de Leite terá uma sala de espera com sete lugares, espaço para armazenamento de leite, um consultório, um vestiário, uma sala de coleta para duas poltronas e espaço para preparo das doadoras.

Cb image default
João Cláudio

A unidade vai beneficiar toda a microrregião de Nova Andradina, compreendida pelos municípios de Anaurilândia, Angélica, Batayporã, Ivinhema, Nova Andradina, Novo Horizonte do Sul e Taquarussu. Porém, para a ativação do Banco de Leite, é necessária a implantação da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal, que já está em construção no Hospital.

O prefeito Gilberto Garcia aponta a obra do complexo como a mais importante do último ano de sua gestão. O gestor apontou os desafios encontrados na gestão do Hospital Regional “Francisco Dantas Maniçoba”, e reforçou a importância das parcerias na concretização do projeto.

“Quando assumimos em 2017, encontramos um cenário desolador nas finanças do HR. Revertemos o processo de endividamento, que comprometia o funcionamento da Instituição Hospitalar, ampliando em quase R$6 milhões os repasses do Tesouro Municipal à Fundação mantenedora do Regional, ao mesmo tempo em que acertamos parcerias fundamentais para materializarmos o anexo hospitalar que vai oferecer serviços inéditos na região”, explicou Gilberto Garcia.

Cb image default
João Cláudio

Construção da Unidade

A obra da unidade anexa ao Hospital Regional, entrou na etapa de cobertura do teto, com o concretagem da laje. As demais obras (Centro de Diagnóstico, UCINCO e UTI Neonatal) seguem em construção simultânea. Juntos, os empreendimentos somam investimentos de mais de R$7 milhões, com participação majoritária do Município de Nova Andradina na aplicação de recursos financeiros.

A construção do Banco de leite, orçada em R$ 638.534,16, está sendo edificada pela empresa MS Engenharia Consultiva Ltda. A entrega do empreendimento, conforme informou o setor de obras da Prefeitura de Nova Andradina, está prevista para o segundo semestre de 2020.

Cb image default
Divulgação