Acessibilidade
Contraste
Aumentar Fonte
Diminuir Fonte
Limpar Configurações

Atendimentos obedecem às normas preconizadas pelo Ministério de Saúde e a orientação do Conselho Regional de Fisioterapia

Cb image default
Divulgação

Na linha de frente do combate ao coronavírus, os profissionais de saúde são os que mais se expõe à doença para atuar em benefício das pessoas. Para minimizar os riscos de contaminação no ambiente de trabalho e preservar a integridade desses profissionais, o governo municipal adotou medidas preventivas e de controle para evitar a proliferação do vírus.

Dessa forma, somente os atendimentos de saúde considerados essenciais foram mantidos no município. Cirurgias eletivas, atendimentos na área de odontologia e fisioterapia, exames e consultas de diversas especialidades, entre outros serviços ficaram restritos ou paralisados, temporariamente, a partir de março do ano passado.  

Cb image default
Divulgação

O setor de fisioterapia do Centro Regional de Reabilitação Dr. Thales Pinheiro Maia-CRR foi um dos atingidos. Segundo informações do secretário Sérgio Maximiano, houve paralisação nos atendimentos por aproximadamente 3 meses, de acordo com a Portaria n° 1, de 18 de março de 2020.

Em meados de junho, as atividades no setor foram retomadas com número reduzido de atendimentos, obedecendo as normas preconizadas pelo Ministério da Saúde e seguindo as orientações do Conselho Regional de Fisioterapia 13ª região (CREFITO13) para evitar o contágio e propagação da COVID-19.

No momento, a reabilitação física do setor público municipal conta com 8 profissionais alocados no Centro de Reabilitação (CRR) e 1 profissional em Nova Casa Verde. ”Os atendimentos seguem os critérios de distanciamento social e não aglomeração. Por conta disso, fica mais lento o processo de retirada do paciente da fila de espera e, consequente, a alta fisioterapêutica”, explica o gestor da saúde. 

Cb image default
Divulgação

Ainda que, com a perda este ano de um de seus profissionais mais antigos, o médico Ivan Celestino, o setor segue com sua missão de garantir a saúde dos munícipes no que tange a independência funcional das suas habilidades físicas.

Em números gerais, o CRR realizou 6.682 procedimentos referentes à reabilitação em Fisioterapia em 2020. Isso representa aproximadamente 40% dos atendimentos realizados no ano anterior, que atingiu a marca de 17.015 procedimentos realizados.

Como é o funcionamento da fisioterapia no CRR

Caso haja indicação para realizar o tratamento de fisioterapia no CRR é necessário comparecer à unidade, tendo em mãos o encaminhamento médico emitido por algum órgão do Sistema Único de Saúde (SUS) e o cartão do SUS (com um número Fly), onde será feita uma triagem com um fisioterapeuta.

Serviço:

Horário de atendimento: de segunda a sexta, das 06 às 18h.Endereço: Rua Vearni Castro, 732

Cb image default
Divulgação